sábado, 7 de julho de 2012

Mudanças....


Oi pessoas que visitam meu blog!!! 
Hoje venho aqui para falar de mudanças...sim mudanças, que ao meu ver são necessárias e para melhorar minha comunicação no mundo virtual...
Estou migrando meus três blogs para um só....
Continuarei a comentar meus filmes, meus atores, atrizes e diretores.... continuarei  a escrever meus textos e poemas....e ainda continuarei a falar dos livros, autores e o que acontece no mundo e o que acontece no mundo literário!!!
Acrescentarei algumas pitada de vivência...tudo para que as pessoas visitem mais e mais minha página online....


domingo, 24 de junho de 2012

Hush Hush: Silêncio - Becca FitzPatrick

Não sei como isso aconteceu, mas aconteceu e eu estou mortificada!!!
Tudo bem que tem como escrever isso ainda, mas esquecer de fazer uma resenha sobre um livro, isso é imperdoável. Mas vamos seguir.


Quem gosta de histórias sobrenaturais de vampiros, anjos, imortais e tudo mais, não pode deixar de conferir esta série, que na minha opinião é uma das melhores.
Este é o 3º livro, intitulado "Silêncio", que ao meu ver quer dizer sobre as coisas ocorridas nos outros dois livros.
Vou falar só um pouquinho sobre SPOLIERS:
Nora (a protagonista) foi sequestrada, passar alguns meses desaparecida e depois que ressurge não se lembra de nada, nem ao menos de Patch, seu grande amor.
Para por aqui, pois não gosto de ficar contando o livro inteiro, só quando não gosto, e como eu amo demais este livro, vou deixar vocês lerem e tirarem as próprias conclusões.
O que posso dizer é, o livro é bárbaro, bem bolados, com passagens eletrizantes de tirar o fôlego, melhor que muitos livros que circulam por aí.
Enquanto li, passa um filminho na minha mente, a cada fala eu sentia a expressão e ficava mais emocionante.
Vale a pena ler!

Hush Hush: Finale - Becca FitzPatrick

Divulgada a capa do 4º livro da série Hush Hush...Nós já sabíamos o nome do livro: "Fanale", agora temos a capa americana, que por sinal amei. Vou torcer para que seja a mesma aqui no Brasil.
No site Hush Hush eZine tem muitas outras novidades, o endereço é http://hushhushbr.blogspot.com.br/ !!!

quinta-feira, 21 de junho de 2012



Foi um desafio, mas consegui ler!
Praticamente devorei as 749 páginas de um dos romances mais complexos que já li na minha vida.
Vou revelar uma coisa: tinha uma certa resistência, mas a venci!
Vamos começar a resenhar....
A variação dos nomes :
Cada editora ou cada época eles escreviam de uma forma o nome do livro:
- Ana Karenina ;
- Anna Kariênina (este é do livro que li, da Editora Abril)
   - Anna Karenina;
Da história:
A história gira em torno de um relacionamento  extra conjugal de Anna Kariênina e seu amante, o Conde Vronki.
Anna Kariênina tem tudo: 
- belexa;
- riqueza;
- é popular;
- tem um filho.
Apesar de ter tudo o que uma mulher da Aristocracia Russa deseja, ela se sente solitária e vazia. Por isso busca nos braços do amante a felicidade.
Outras histórias dentro do livro:
O livro também trata da questão da Rússia Rural, de como os camponeses eram tratados e sobre a melhor maneira de administrar o campo e as propriedades.


Como não é do meu feitio, não vou ficar aqui contando o livro todo. Então, vamos falar sobre minhas percepções:

- literatura complexa;
- personagens fortes;
- linguagem difícil;
- final trágico e surpreendente;

Uma das frases mais famosas do livro:
"Todas as famílias felizes são iguais. As infelizes são cada uma a sua maneira."

173º Aniversário de Machado de Assis


Hoje é Aniversário de nascimento de Machado de Assis. São 173 anos !!!
Não vou colocar na sobre ele, pois tem muita coisa na web, uma melhor que a outra.
Aqui vou postar um endereço do "Domínio Público com alguns livros para baixar.
http://www.dominiopublico.gov.br/pesquisa/ResultadoPesquisaObraForm.do?first=50&skip=0&ds_titulo&co_autor&no_autor=machado+de+assis&co_categoria=2&pagina=1&select_action=Submit&co_midia=2&co_obra&co_idioma&colunaOrdenar=null&ordem=null

Aproveite!!!

sexta-feira, 15 de junho de 2012

O Poeta: Mário Quintana



Ele nasceu Mário de Miranda Quintana, no dia 30 de Julho de 1906 em Alegrete, no Rio Grande do Sul. E faleceu em 5 de Maio de 1994.

Mário Quintana foi um grande Poeta, colunista, tradutor e escreveu livros infantis. Era mais conhecido como "Poeta das Coisas Simples", tinha em seu trabalho grande perfeição técnica, profundidade e certa ironia.
Traduziu mais de 130 autores da Literatura Universal, entre eles Proust e Virginia Woolf.
A Musa de Quintana era Bruna Lomardi ( atriz, diretora, produtora e escritora).


Sua Poesia é simplesmente perfeita. Quem a lê tem muito que refletir e se espelhar.












Vale a pena ler as poesias!!!!!

O Melhor de Mim - Nicholas Sparks

O livro mais maduro de Nicholas Sparks que já li até agora. Um livro lindo e sincero, que fala de amor, amizade e o principal sentido da vida: a cumplicidade.
Este é um dos livros mais tocantes que já li, faz você pensar no que fez no passado, como você trata do presente e faz refletir como será o futuro.
A história e simples: uma garota de boa família se apaixona por um garoto de uma família duvidosa e só uma pessoa os ajuda. Eles enfrentam tudo e todos até não suportarem mais e se separam. A vida segue, e o casal toma rumos diferentes. mas a morte da pessoa que os ajudou no passado os une novamente.
Eles se questionam.
Eu separei algumas passagens que achei mais interessante:

“... Pela primeira vez na vida ele se sentia feliz.

Depois de tanto tempo, às vezes a única coisa em que conseguia pensar era naquele último ano juntos. Ou, melhor dizendo, a única coisa em que ele conseguia pensar era Amanda.” (pág. 19)

“ – É quando estou com você que sou mais feliz – murmurou ela.

Mais tarde naquela noite, eles fizeram amor pela primeira vez. E, pelas duas décadas seguintes, e ainda depois, ele carregou dentro de si as lembranças e aquelas palavras, sabendo que valiam para os dois.” (pág. 21)

“ Será que todo primeiro amor era assim? Por algum motivo, ela duvidava. Mesmo depois de tanto tempo, aquele amor lhe parecia mais real do que qualquer outra coisa que tivesse vivido. Às vezes ficava triste ao pensar que nunca mais experimentaria uma sensação como aquela, mas, por outro lado, a vida tinha hábito de extinguir paixões intensas. Amanda aprendera muito bem que o amor nem sempre era suficiente.” (pág. 37)

“...Uma coisa era saber que o que sentia por Amanda não tinha mudado. Outra, totalmente diferente, era encarar o futuro tendo a certeza de que jamais mudaria.” ( pág. 69)

“O destino – na forma de Tuck - interviera e, à medida que começava a andar em direção à cabana, Amanda teve certeza de que havia um motivo. Tudo aquilo precisava significar algo. Afinal de contas, o passado ficara para trás. Só lhes restavam o futuro.” (pág. 148 e 149)

“ Eles então se beijaram, hesitantes a princípio, depois mais apaixonadamente, tentando compensar uma vida inteira separados. As mão dele percorriam o corpo de Amanda e, quando eles finalmente se afastaram, ela se deu conta de quanto tempo havia ansiado por aquilo. Encarou Dawson com os olhos semicerrados, desejando-o por completo e naquele instante.

O desejo que ele sentia também estava claro e, com um gesto que pareceu quase coreografado, Amanda beijou Dawson uma vez mais antes de levá-lo para o quarto.” (pág. 167)

“...Eu lhe dei o melhor de mim, Dawson lhe dissera certa vez, e a cada batida do coração de seu filho, ela sabia exatamente isso o que havia feito.” (pág. 270)

Resumindo: amei e indico para as pessoas que querem ler livros apaixonantes.

segunda-feira, 11 de junho de 2012

...Click Mágico...: Safe Haven - Nicholas Sparks

...Click Mágico...: Safe Haven - Nicholas Sparks: Hoje, fuçando nos site de livros e cinema, para ver se tinha ago de novo, me deparei com esta notícia maravilhosa: Vão fazer outro filme in...

AGUARDANDO ANSIOSAMENTE!!!!

domingo, 10 de junho de 2012

Coração de Tinta - Cornélia Funke



Sabe aquele livro que te traz de volta infância, quando você se imaginava uma personagem de um conto de fadas ou de um livro de aventuras, daqueles que a escola insistia que você lesse e você só lia no último minuto e no fim gostava tanto que o lia depois. Este é um livro assim....Quem me emprestou,  falou que era uma delícia e eu estava interessada, mas aconteceram tantas coisas, que acabei deixando - o de lado por um tempo e só retomei a leitura esta semana.
O livro, como já disse, é delicioso, uma linguagem fácil e que flui. O que ajuda também, são os nomes das personagens que não são tão complicado. (Eu me quebro tentando guardar nomes de todos os personagens!!!!)


A história em si se passa em torno de Maggie, a filha de 12 anos do casal Mo e Teresa. A menina tem  um diferente dom, que ao longo da história é revelado.
Mo e Teresa são apaixonados por livros e literaturas e passa isso para pequena.
Tudo corria bem na vida deste casal feliz, até que Mo, que é um restaurador de livros, recebe um diferente livro e começa lê-lo. A esposa Teresa some repentinamente e sem explicação.
Mo fica triste e jura que algum dia ele encontrará sua amada.
Passa-se 12 anos, Maggie já crescida, tem a mesma paixão que seus pais. Um dia ela descobre um "dom", mas não é "qualquer dom" e sim o "dom de ter a Língua Encantada", trocando em miúdos : qualquer livros que ela leia em voz alta vira realidade. E esse também era o grande segredo de seu pai, que por este "dom misterioso", um dia lendo um tal livro, fez sua esposa se teletransportar para uma estória...
Aí começa toda a magia e encanto.



O gostoso é você poder criar este mundo, ler e viver intensamente, esperando em cada página uma surpresa!!!
Bom, acho melhor eu parar por aqui e deixar cada um criar seu mundo de fantasia!!!!


-> Este é o primeiro de três livros. Sim é uma trilogia chama "O Mundo de Tinta" . Os livros são:
* Coração de Tinta;
* Sangue de Tinta;
* Morte de Tinta;




Não esqueça....sempre ler com os olhos livres, sempre em busca de grandes emoções!

quinta-feira, 7 de junho de 2012

Edgar Allan Poe
























Hoje é feriado, tá friozinho e nada melhor que ler um bom livro ou assistir um filme debaixo das cobertas.
Eu assisti um filme muito interessante, "O Corvo" ( não "O Corvo" do Brendan Lee), um filme baseado nos contos do Edgar Allan Poe.
( visite e comente http://migre.me/9oJzJ )
Resolvi fazer um post sobre este autor intrigante da Literatura Americana;

Poe nasceu em 19/01/1809 e morreu em 07/10/1849.
Ele era um gênio visionário, poeta e contista, que adorava escrever sobre a MORTE.
Seus poemas eram estigantes, horripilantes e sombrios, entre os mais famosos, estão: "O Corvo", "Os Sinos", "O Gato Preto" , "O Poço e o Pêndulo", entre outros tantos poemas.
Ele ainda era crítico literário e escreveu diversos livros sobre o assunto, tais como "Filosofia da Composição" e "Princípio Poético".
Aqui, colocarei o Poema "o Corvo", traduzido por Fernando Pessoa :
      O CORVO *
      (de Edgar Allan Poe)

    Numa meia-noite agreste, quando eu lia, lento e triste,
    Vagos, curiosos tomos de ciências ancestrais,
    E já quase adormecia, ouvi o que parecia
    O som de algúem que batia levemente a meus umbrais.
    "Uma visita", eu me disse, "está batendo a meus umbrais.

    É só isto, e nada mais."

    Ah, que bem disso me lembro! Era no frio dezembro,
    E o fogo, morrendo negro, urdia sombras desiguais.
    Como eu qu'ria a madrugada, toda a noite aos livros dada
    P'ra esquecer (em vão!) a amada, hoje entre hostes celestiais -
    Essa cujo nome sabem as hostes celestiais,

    Mas sem nome aqui jamais!

    Como, a tremer frio e frouxo, cada reposteiro roxo
    Me incutia, urdia estranhos terrores nunca antes tais!
    Mas, a mim mesmo infundido força, eu ia repetindo,
    "É uma visita pedindo entrada aqui em meus umbrais;
    Uma visita tardia pede entrada em meus umbrais.

    É só isto, e nada mais".

    E, mais forte num instante, já nem tardo ou hesitante,
    "Senhor", eu disse, "ou senhora, decerto me desculpais;
    Mas eu ia adormecendo, quando viestes batendo,
    Tão levemente batendo, batendo por meus umbrais,
    Que mal ouvi..." E abri largos, franqueando-os, meus umbrais.

    Noite, noite e nada mais.

    A treva enorme fitando, fiquei perdido receando,
    Dúbio e tais sonhos sonhando que os ninguém sonhou iguais.
    Mas a noite era infinita, a paz profunda e maldita,
    E a única palavra dita foi um nome cheio de ais -
    Eu o disse, o nome dela, e o eco disse aos meus ais.

    Isso só e nada mais.

    Para dentro então volvendo, toda a alma em mim ardendo,
    Não tardou que ouvisse novo som batendo mais e mais.
    "Por certo", disse eu, "aquela bulha é na minha janela.
    Vamos ver o que está nela, e o que são estes sinais."
    Meu coração se distraía pesquisando estes sinais.

    "É o vento, e nada mais."

    Abri então a vidraça, e eis que, com muita negaça,
    Entrou grave e nobre um corvo dos bons tempos ancestrais.
    Não fez nenhum cumprimento, não parou nem um momento,
    Mas com ar solene e lento pousou sobre os meus umbrais,
    Num alvo busto de Atena que há por sobre meus umbrais,

    Foi, pousou, e nada mais.

    E esta ave estranha e escura fez sorrir minha amargura
    Com o solene decoro de seus ares rituais.
    "Tens o aspecto tosquiado", disse eu, "mas de nobre e ousado,
    Ó velho corvo emigrado lá das trevas infernais!
    Dize-me qual o teu nome lá nas trevas infernais."

    Disse o corvo, "Nunca mais".

    Pasmei de ouvir este raro pássaro falar tão claro,
    Inda que pouco sentido tivessem palavras tais.
    Mas deve ser concedido que ninguém terá havido
    Que uma ave tenha tido pousada nos meus umbrais,
    Ave ou bicho sobre o busto que há por sobre seus umbrais,

    Com o nome "Nunca mais".

    Mas o corvo, sobre o busto, nada mais dissera, augusto,
    Que essa frase, qual se nela a alma lhe ficasse em ais.
    Nem mais voz nem movimento fez, e eu, em meu pensamento
    Perdido, murmurei lento, "Amigo, sonhos - mortais
    Todos - todos já se foram. Amanhã também te vais".

    Disse o corvo, "Nunca mais".

    A alma súbito movida por frase tão bem cabida,
    "Por certo", disse eu, "são estas vozes usuais,
    Aprendeu-as de algum dono, que a desgraça e o abandono
    Seguiram até que o entono da alma se quebrou em ais,
    E o bordão de desesp'rança de seu canto cheio de ais

    Era este "Nunca mais".

    Mas, fazendo inda a ave escura sorrir a minha amargura,
    Sentei-me defronte dela, do alvo busto e meus umbrais;
    E, enterrado na cadeira, pensei de muita maneira
    Que qu'ria esta ave agoureia dos maus tempos ancestrais,
    Esta ave negra e agoureira dos maus tempos ancestrais,

    Com aquele "Nunca mais".

    Comigo isto discorrendo, mas nem sílaba dizendo
    À ave que na minha alma cravava os olhos fatais,
    Isto e mais ia cismando, a cabeça reclinando
    No veludo onde a luz punha vagas sobras desiguais,
    Naquele veludo onde ela, entre as sobras desiguais,

    Reclinar-se-á nunca mais!

    Fez-se então o ar mais denso, como cheio dum incenso
    Que anjos dessem, cujos leves passos soam musicais.
    "Maldito!", a mim disse, "deu-te Deus, por anjos concedeu-te
    O esquecimento; valeu-te. Toma-o, esquece, com teus ais,
    O nome da que não esqueces, e que faz esses teus ais!"

    Disse o corvo, "Nunca mais".

    "Profeta", disse eu, "profeta - ou demônio ou ave preta!
    Fosse diabo ou tempestade quem te trouxe a meus umbrais,
    A este luto e este degredo, a esta noite e este segredo,
    A esta casa de ância e medo, dize a esta alma a quem atrais
    Se há um bálsamo longínquo para esta alma a quem atrais!

    Disse o corvo, "Nunca mais".

    "Profeta", disse eu, "profeta - ou demônio ou ave preta!
    Pelo Deus ante quem ambos somos fracos e mortais.
    Dize a esta alma entristecida se no Éden de outra vida
    Verá essa hoje perdida entre hostes celestiais,
    Essa cujo nome sabem as hostes celestiais!"

    Disse o corvo, "Nunca mais".

    "Que esse grito nos aparte, ave ou diabo!", eu disse. "Parte!
    Torna á noite e à tempestade! Torna às trevas infernais!
    Não deixes pena que ateste a mentira que disseste!
    Minha solidão me reste! Tira-te de meus umbrais!
    Tira o vulto de meu peito e a sombra de meus umbrais!"

    Disse o corvo, "Nunca mais".

    E o corvo, na noite infinda, está ainda, está ainda
    No alvo busto de Atena que há por sobre os meus umbrais.
    Seu olhar tem a medonha cor de um demônio que sonha,
    E a luz lança-lhe a tristonha sombra no chão há mais e mais,

    Libertar-se-á... nunca mais!

    Fernando Pessoa

* Traduzido de The Raven, de Edgard Allan Poe, ritmicamente conforme com o original.


Também achei um outro site bem interessante, que fala além da vida e obra, sobre os outros poemas e contos de Poe: http://www.luso-poemas.net/modules/news03/index.php?storytopic=26

Boa Leitura!!!


quarta-feira, 6 de junho de 2012

O Diário de Suzana para Nicolas - James Patterson


"Este livro é a prova que o amor pode salvar a vida das pessoas!"
Esta é a história de Katie, de Matt, de Suzanna e de Nicolas. Vidas comuns, entrelaçadas por Amor.
Matt é o centro da história: um homem simples, pintor de profissão e poeta por natureza. Ele se apaixona por duas mulheres distintas: Suzanna, a médica e Katie, a editora.
Suzanna é a médica dedicada, que depois que sofre problemas de saúde, vê que a vida é mais importante e começa a viver sua vida mais tranquilamente.Conhece Matt e se apaixona e vê em sua relação amor, amizade e compreensão, e deste amor nasce Nicolas.
Katie é a editora de Nova York, jovem de determinada, que vê uma chance de publicar os poemas de não só pelos poemas, mas pelo seu autor.
A vida destas personagens se entrelaçam de tal forma, que não sabemos mais onde começa uma e termina a outra.
É história de amor, vida e reflexões.

Uma coisa legal que se pode tirar deste livro é a "Reflexão das 5 BOLAS"
4 BOLAs são de VIDRO:

- Família

- Saúde

- Amigos

- Integridade

Que:

- cai

- quebra

- arranha

- estilhaça

TEMOS QUE CUIDAR BEM!!!

A 5ª BOLA é a do TRABALHO: é de BORRACHA, pode se moldar aonde você for e como você quiser!!!


Uma leitura deliciosa, pode acreditar!!!

sexta-feira, 11 de maio de 2012

Beijada por um Anjo 5 - Elizabeth Chandler

Oi pessoas!!!!
Estou meio off esses dias, porque não estou em minha casa e também deixei meu note para meu mozy, aí já viu né...
Mas continuo lendo muito!!!
Então vamos a mais um comentário sobre um dos livros em série que mais amei: Beijada por um Anjo...
Não é segredo pra ninguém que tenho uma relação de amor e ódio com essa série e vamos falar a verdade, os 3 primeiros livros são muito devagar, só no 4º livro que a estória dá uma reviravolta tremenda....
Pois é, e é deste ponto que eu começo...
Contém Spoliers
No 4º livro Ivy conhece "João" ou "Luke", um cara misterioso, com um passado duvidoso.
Agora no 5º livro, ela descobre que Luke na verdade é Tristan, o amor da vida de Ivy. Como é possível isso?????
Só lendo mesmo!!!!
Eles agora teem que prova a inocência de Luke/ Tristan para que possam viver o amor imortal deles...
Ressalva:
O passado retorna: Gregory agora é um demônio e possui a mente de alguém bem próximo de Ivy....quem seria esta pessoa??? Will ou Beth.....leiam para descobrir!!!!


"Eu te amo- sussurrou Tristan- te amei desde o primeiro momento em que te vi, meu amor nunca vai morrer. É eterno. Juro para você aqui mesmo, na metade do caminho entre o céu e a terra." (página 263)


Aguardando ansiosamente o volume 6...



quarta-feira, 25 de abril de 2012

O Milagre - Nicholas Sparks

Estou na fase "Nicholas Sparks Forever". Li dois livros seguidos (Querido John e O Milagre) e ainda quero mais.
Bom, vamos começar nossa resenha.
Como todos os livros que li de Sparks, o começo é meio sem graça, mas conforme vai se desenrolando a estória, você acaba se apaixonando pelas personagens.
Neste não é diferente, o casal central é Jeremy e Lexie.
Ele, um respeitado jornalista de Nova Iorque que estuda o sobrenatural. Ela uma jovem bibliotecária em uma pequena cidade da Carolina do Norte.
Suas vidas se cruzam, quando ele recebe uma carta que diz haver algo sobrenatural na pequena cidade de Boone Creek.
Ele além desvendar o mistério, descobre o verdadeiro amor. A estória te envolve e te faz viajar e se emocionar.

Uma das passagens que gostei foi:
"Embora não pudesse evitar um leve sorriso com comentário, ela entrou sem dizer uma palavra. A falta de resposta dizia tudo., e pela primeira vez em sua vida, Jeremy não apenas estava desapontado consigo mesmo, mas de repente sentiu vontade de ser uma pessoa completamente diferente." (página 184)

domingo, 15 de abril de 2012

Querido John - Nicholas Sparks

Oi gente....

Então, estou passando uma temporada na minha cidade natal ( motivos de saúde) e esqueci de trazer o livro que eu estava lendo ( Coração de Tinta), mas tudo bem, ainda bem que tenho meu anjo dourado e ela tem um gosto meio parecido com o meu, e me emprestou este livro fofo...

O que dizer de Nicholas Sparks???

Sem comentários, ele é perfeito, tem uma escrita meiga, que toca profundamente.


Vamos ao livro:

Galera, quem não quer ler este livro porque já assistiu o filme, um aviso: Não tem nada haver com o filme, é bem diferente!!!

Bom, o livro narra o amor de Savannah e John, que se conhecem em um verão e se apaixonam perdidamente. Mas o destino muda tudo , pois eles são separados pela guerra. Eu não vou contar detalhes do livro, não é do meu feitio!

É tão lindo e tocante que me fez chorar de emoção. Como sempre, este autor me faz chorar e muito.

Recomendo para as garotas apaixonada, sensíveis e que amam romances deste tipo...

Separei uma das passagens que mais gostei:
"Até hoje ainda não sei como aconteceu. Em um instante estávamos conversando, no seguinte, ela inclinou-se sobre mim. Por um segundo, quis saber se um beijo quebraria o feitiço que nos envolvia, mas já era tarde demais para parar.
Quando os lábios dela tocaram os meus, soube que poderia viver anos e visitar o mundo todo e nada se compararia ao momento único em que beijei a mulher de meus sonhos e soube que meu amor duraria para sempre." (página 114)

segunda-feira, 2 de abril de 2012

DIA INTERNACIONAL DO LIVRO INFANTIL - 02/04

Hoje é "Dia Internacional do Livro Infantil" e tenho que prestar uma homenagem ao meu autor favorito de não só livros infantis como infanto-juvenil....Pedro Bandeira!
Li tantos livros que não vou me lembrar, porque era pequena, mas um em destaque "Fantástico Mistério da Feiurinha", que hoje tem o filme.




Aqui está a lista de livros deste  magnífico autor:


terça-feira, 27 de março de 2012

O Grande Gatsby - F. Scott Fitzgerald

Este livro é um dos meus favoritos!!!!


Vamos começar dando uma aulinha de Literatura Americana:
Quando estava na faculdade, tive uma matéria chamada "Literatura Americana I e II", e fiquei fascinada pela "Geração Perdida" (Lost Generation).
Foi Gertrude Stein, a grande percursora que deu este nome ao famoso grupo de artistas, pintores, escritores, músicos e outros. Estas pessoas foram para Paris fugindo da Grande Depressão dos EUA dos anos 20.
No meio desta ilustre reunião, nós encontramos Francis Scott Fitzgerald, o brilhante autor deste livro.

O GRANDE GATSBY
Uma estória de uma estória de amor narrada em 3ª pessoa por Nick.
A estória é sobre um emergente social chamado Jay Gatsby e sua paixão por Daisy.
Daisy por sua vez, não esperou por Gatsby no passado e se casou com Tom Buchanan, que na verdade vivia com a esposa e sustentava uma amante a tira colo.
É um vai e vem emocionante e eletrizante, com uma ótima narrativa de Fitzgerald. (Não vou ser louca e contar toda a estória né???)

* O que o livro mostra além do romance de Gatsby e Daisy???
->New York nos anos 20;
-> caos pós 1ª Guerra Mundial;
-> Depressão de um povo (EUA);
-> Glamour dos ricos (época);
-> Novos ricos (West Egg / East Egg);
-> Poder (dinheiro) seduz as pessoas;
Resumindo: beleza, glamour, bebidas e jazz...

Uma das passagens do livro (uma das minhas favoritas)
"O coração dele começou a bater cada vez mais rápido com a proximidade do rosto branco de Daisy. Ele sabia que, no momento em que beijasse e unisse para sempre aquelas visões inexprimíveis ao hálito perecível da garota, seu espírito jamais dançaria de novo como o espírito de Deus havia dançado. Assim ele aguardou, escutando por mais um momento diapassão que tinha sido tocado sobre uma estrela.
Então ele a beijou. Ao toque de seus lábios, ela se abriu para ele como uma flor orvalhada e a encarnação estava completa." (página 128)

domingo, 25 de março de 2012

...Click Mágico...: À espera de "Um Homem de Sorte" - Novo Filme

Mais um livro que vira filme. Agora é a vez de "Um Homem de Sorte", que na minha opinião é lindo e romântico....Nicholas Sparks sabe escrever e nos emocionar. 
Confira as fotos neste outro blog:
...Click Mágico...: À espera de "Um Homem de Sorte" - Novo Filme: Gente, como uma boa garota romântica, sempre amo os filmes mais românticos. Para este ano, o mais aguardado dos filmes mais românticos é "U...

terça-feira, 20 de março de 2012

domingo, 18 de março de 2012

Percepções do Livro: As cinco Pessoas que Você encontra no Céu - Mitch Albom

Durante nossa vida, somos gerados por nossa mãe com a "sementinho" do nosso pai, nascemos, crescemos, amamos e morremos....Muitas pessoas teem medo desta palavra "Morrer", teem pavor por não saber o que encontrará do outro lado. muitas pessoas acham que é o fim, outras um recomeço.
Então, deixarei aqui, as impressões de um livro que ajuda as pessoas a entenderem melhor.
Sem preconceitos religiosos por favor, este livro é simplesmente um livro que fala de "uma hipótese" e ninguém é obrigado a ler e entender.

CONTÉM SPOLIERS
Esta é uma "estória" do fim. E de um recomeço da vida.
Eddie, nosso personagem principal, morre com 83 anos em um acidente no "Parque de Diversões Ruby Pier". No começo ele não entende o que aconteceu, mas depois começa a jornada para encontrar a si mesmo.
Cinco pessoas auxiliam Eddie na jornada:
1ª pessoa: Homem Azul ( Eddie não se lembra dele, mas ele fez parte fundamental de sua infância)
2ª pessoas: Capitão da guerra (um companheiro de guerra que foi fundamental em sua juventude e maturidade)
3ª pessoa: Sra. Ruby - ela é que dá o nome ao parque ( Eddie nunca a conheceu, porém foi fundamental para seu nascimento)
4ª pessoa: Marguerite: esposa de Eddie ( grande amor da vida, Eddie nunca a esqueceu)
5ª pessoa: Tala- menina das Filipinas, é a chave da estória ( a mais fundamental de todas as pessoas, é a que faz Eddie perdoar a si mesmo)

Sobre o Enredo:
Este livro mostra uma ideia de como seria o céu, que na visão do autor, seria com a coisa que mais gostávamos na vida terrena.
Ideias que este livro nos remete:
- muitas vezes pensamos: Por que algumas pessoas vivem e utras pessoas morrem??? (Homem Azul questiona isso) ;
- concepção (ideia) de sacrifício ( Capitão da Guerra faz isso, ele se sacrifica para que outras pessoas vivam);
- perdoar as pessoas ( Sra. Ruby faz Eddie perdoar o pai);
- Amor que nunca se esquece ( Marguerite, esposa de eddie, é o amor da vida dele, ele nunca se esqueceu dela);
- Perdoar a si mesmo ( tala faz Eddie repensar em sua vida terrena, onde dentro de si, ele tinha muita amargura, e ao final ele se perdoa);

Passagens do Livros:
" Toda a vida tem seu instantâneo de verdadeiro amor." (pág. 14)
"Nenhuma história existe isoladamente. As histórias às vezes se justapõem como azulejos numa parede, às vezes se superpõem uma às outras como pedras no leito de um rio." (pág. 15)
" - Nenhuma vida é um desperdício - disse o Homem Azul - o único tempo de desperdiçamos é aquele que passamos achando que somos sozinhos." (pág. 52)
" Capitão para Eddie:
... Morrer? Não é o fim de tudo. Nós achamos que é. Mas o que acontece na Terra é só o começo." (pág. 135)
" Guardar a raiva é envenenar-se. Ela nos consome por dentro. A gente costuma pensar que o ódio é uma arma contra as pessoas que nos fizeram mal. Mal a lâmina do ódio é curva. E o mal que fizemos com ele, nos faz a nós mesmos." (pág. 134 e 135)

Neste livro,tem muitas outras citações....mas isso vou deixar para outras pessoas possamos ler, refletir e fazer suas anotações..

Uma boa leitura!!!

terça-feira, 6 de março de 2012

Lista de Desejos 2012


Lista de Desejos

Lista de Desejos
100 Autores que mudaram a História do Mundo - Christine N. Perkins
100 Viagens Que Toda Mulher Precisa Fazer - Stephanie Elizondo Griest
A dama da Ilha - Patrícia Cabot
A Jornada - Erin E. Moulton
A Marca de uma Lágrima - Pedro Bandeira
A Parisiense - Ines de la Fressange, Sophie Gachet
A Razão e Sensibilidade - Jane Austen
A Revolução dos Bichos - George Orwell
A Vida em tons de cinza - Ruta Sepetys
A última música - Nicholas Sparks

Querido John – Nicholas Sparks

Noites de Tormenta ´Nicholas Sparks

A Escolha – Nicholas Sparks

Uma Carta de Amor – Nicholas Sparks

O Casamento – Nicholas Sparks

O Milagre – Nicholas Sparks

O Resgate – Nicholas Sparks
Ana e Beijo francês - Stephanie Perkins
Angelina - Andrew Morton
As Brumas de Avalon (coleção) - Marion Zimmer Bradley
As Crônicas de Nárnia - C. S. Lewis
Beijada por um Anjo 6 – Elizabeth Chandler
Casório?! - Marian Keyes
Cheia de Charme - Marian Keyes
Férias - Marian Keyes
Los Angeles - Marian Keyes
Sushi - Marian Keyes
Tem Alguém Aí? - Marian Keyes
É Agora... Ou Nunca - Marian Keyes
Um Bestseller Pra Chamar de Meu - Marian Keyes
Para Sempre - Os Imortais - Vol.1 – Alyson Nöel
Lua Azul – Os Imortais – Vol. 2 - Alyson Noëls -
Terra das Sombras – Os Imortais – Vol. 3 – Alyson Nöel
Chama Negra – Os Imortais – Vol. 4 – Alyson Nöel
Estrela da Noite – Os Imortais – Vol. 5 - Alyson Noël
Infinito – Os Imortais – Vol. 6 – Alyson Nöel
Curso Intensivo sobre o Amor - Steve Ward e JoAnn Ward

Apaixonados - Lauren Kate
Hush Hush: Finale - Becca Fitzpatrick
Marina - Carlos Ruiz Zafón
Nietzsche para Estressados - Allan Percy
Não me Abandone Jamais - Kazuo Ishiguro
O Alienista - Machado de Assis
O menino do pijama listrado - John Boyne
O preço de uma escolha - Maurício de Castro
O Vermelho e o Negro - Stendhal
Para Sempre - Kim Carpenter; Krickitt Carpenter
Querido John - Nicholas Sparks
Sete Vidas - Mônica, Monique Sperandio
Todas as mulheres são bruxas - Isabel Vasconcellos
Um caso de verão - Elin Hilderbrand
Um gosto de esperança - Susan Mallery
Uma pitada de coragem - Bradley Trevor Greive
Veronika decide morrer - Paulo Coelho


* Atualizado no dia 19/06/12

segunda-feira, 5 de março de 2012

A Batalha do Apocalipse - Eduardo Spohr

"A morte e a solidão acompanham os exilados..." (página 20 )
Finalmente uma literatura nacional com gostinho de internacional. Ou melhor, que se compare as literaturas internacionais.
Nunca pensei que um escritor brasileiro tivesse tanta criatividade assim para escrever sobre um tema tão difícil, já me supreendeu pelo t´tulo e pela sinopse.
É um épico com riqueza de detalhes.
A estória é um vai e vem, em tempos atuais e voltando com flashbacks, o que dá sentido as coisas que ocorrem e o por que da "Batalha".
Para quem sabe um pouco da Bíblia um prato cheio, mas para quem não entende, ele conta um pouco sobre a "Criação do Mundo" e como Deus descansou no 7º dia. Também debate sobre os tais "Dogmas" que a gente sempre ouve e como eles tem influência sobre tudo e todos.
Só uma sugestão, tente memorizar os nomes dos anjos, querubins e CIA, para não se perder.
Boa leitura e grandes surpresas!

sábado, 3 de março de 2012

#DICA de Literatura no Cinema

Ana Karenina - Leon Tolstoi

Um Homem de Sorte - Nicholas Sparks
Tão Forte e Tão Perto - Jonathan Safrafoer

O Grande Gatsby - F. Scott Fitzgerald

O Hobbit - J. R. R. Tolkien

Amanhecer - Parte 2 - Stephanie Meyer

Abraham Lincoln: Caçador de Vampiros - Seth Grahame-Smith

Jogos Vorazes - Suzanne Collins

Aberta a temporada de livros que vão virar Filmes!!!